Diz Jornal - Cultura e Cinema | Documento | Nutrição | Informes | Internet | Edgard Fonseca | Pelo Whats | E! Games | Fernando Mello | Pela Cidade | Em Foco

Os artigos assinados são de responsabilidade dos autores

Tels: (21) 3628-0552 / 9613-8634
Rua Cônsul Francisco Cruz nº 03 - Centro - Niterói/RJ | 24020-270
Email: dizjornal@hotmail.com

PROJETO GRÁFICO - Edgard Fonseca Comunicação Ltda.
TIRAGEM IMPRESSA: 16.000 Exemplares

Newsletter
Receba nossas edições no seu e-mail.

 
 

-----------------
Em foco
Afirmação de Sucesso...

-----------------
Internet
Invasão Chinesa...

-----------------
Egames
Um Clássico Renascido...

-----------------
Informes
Taberna do Monteiro...

-----------------
Fernando Mello
A Vida é Demais...

-----------------
Informes
Tradição Foi Vendida...

-----------------
Edgard
Direito Imobiliário...

Fuzis Natalinos

O final do ano está chegando rápido como uma flecha e com ele muitas coisas boas deveriam estar acontecendo ou, no mínimo, gerando expectativas boas e etc.

Esperamos que o ano de 2019 seja absurdamente diferente de todos os anos anteriores. Mas, calma aí! Vamos ver o que poderá acontecer ainda nesse mês de dezembro de 2018.

Natal e Réveillon chegando significa aumento do dinheiro circulante, turistas e viagens.

Por outro lado, esse final de 2018 está reservando aos brasileiros um aumento significativo das ocorrências policiais, principalmente, como observo nos telejornais, as notícias dos aumentos de roubos e furtos em nossa cidade de Niterói.

O novo governador eleito prometeu um enfrentamento com os marginais, abatendo os portadores de fuzis. Concordem ou não, acho que será uma tentativa válida. Pessoas de bem estão sendo abatidas sem dó pelos bandidos. É guerra, então.

Imagino também que após abater uns cinco bandidos armados com fuzis, o seu uso irá diminuir, havendo até uma redução no preço deste tipo de armamento, pois muitos “usuários” deverão se desfazer dos mesmos. Um fuzil na mão poderá significar bala na cabeça. Então, nunca porte um fuzil!

Como quase 100% dos bandidos são covardes matadores de inocentes, acho que muitos desistirão da vida marginal. Só estou no “achismo”, pessoal! Tudo imaginação minha, ok?

Cada bandido armado com fuzil que for abatido deverá ser considerado o número de vidas que se estará salvando. É fato que um marginal portando fuzil não está ali para oferecer flores às pessoas de bem. Ele está ali para matar.

O bandido é um câncer social e que muitas vezes não aceita o péssimo tratamento ofertado pelo Estado, com celas cheias, muitas drogas, sexo, celular e corrupção. Então, ele sai da “prisão” querendo voltar. Acredite.

Na verdade, os bandidos reclamam da qualidade do “hotel”, já que tudo podem fazer; tudo menos sair dos muros limítrofes. 

Também acho que todos os presos da Lava-Jato deveriam ser transferidos para Bangu e serem misturados aos presos comuns. Ora! Eles são bandidos comuns e não dá para entender a justiça os tratando diferentemente porque são assassinos de todos.

Da mesma forma, não sei por que Lula tem tratamento especial se sequer tem diploma de curso superior. Merece cela comum e sem as mordomias que estamos assistindo.

O fim de ano promete. Muito dinheiro e presentes circulando com o povo nas ruas e nos carros.

Vou tratar de re-criar meu “Kit Assalto”, que consiste numa carteira com cartões de crédito e de débito vencidos, R$ 100,00 em notas de R$ 20 e R$ 10 para dar volume. O que resta é rezar.

Acabei de ler que o número de homicídios durante um ano em Nova Iorque é o mesmo de duas semanas no Rio de Janeiro. E olha que “New York City” é mais populosa que o Rio de Janeiro.

Não é a toa que nos Estados Unidos, para morrer, basta apontar uma arma para qualquer policial. Quem fizer isso será crivado de balas, como assistimos nos jornais televisivos com aqueles jornalistas brasileiros fazendo beicinho de discordância

Por outro lado, um policial corrupto fica enjaulado uns 20 anos e seus bens são confiscados em alguns estados dos Estados Unidos.

Por isso, andar em Nova Iorque de noite, hoje, é mais seguro do que ficar em casa em Niterói.

Lá os bandidos não têm vez. A polícia e a justiça fazem de tudo para proteger a população de bem e seus bens.


-----------------
Fernando Mello
A Vida é Demais

-----------------
Fernando Mello
Cadê os Snipers?

-----------------
Fernando Mello
Que Conta é Essa?

-----------------
Fernando Mello
O Festão Popular

-----------------
Fernando Mello
Fuzis Natalinos

-----------------
Pela Cidade
Aplausos a Lomelino...

-----------------
Pela Cidade
Taverna do Monteiro...

-----------------
Pela Cidade
Feijoada da Taberna Monteiro...

-----------------
Pela Cidade
Taverna do Monteiro ...

-----------------
Pela Cidade
Confraternização da ANL...

-----------------
Pela Cidade
Adesão Total...

-----------------
Pela Cidade
Pedro Genn Desiste de Concorre...

-----------------
Pela Cidade
Toda Poesia do Cecchetti...

-----------------
Pela Cidade
Encontro de Corais...

-----------------
Pela Cidade
Chá Feminino de Adesão ...
 
Últimas Edições
Rua Cônsul Francisco Cruz nº 03 - Niterói/RJ | (21) 3628-0552 / 9613-8634 | dizjornal@hotmail.com
Creat by EADesigns