Diz Jornal - Cultura e Cinema | Documento | Nutrição | Informes | Internet | Edgard Fonseca | Pelo Whats | E! Games | Fernando Mello | Pela Cidade | Em Foco

Os artigos assinados são de responsabilidade dos autores

Tels: (21) 3628-0552 / 9613-8634
Rua Cônsul Francisco Cruz nº 03 - Centro - Niterói/RJ | 24020-270
Email: dizjornal@hotmail.com

PROJETO GRÁFICO - Edgard Fonseca Comunicação Ltda.
TIRAGEM IMPRESSA: 16.000 Exemplares

Newsletter
Receba nossas edições no seu e-mail.

 
 

-----------------
Em foco
Nova Maratona...

-----------------
Em foco
Café Com Empresários...

-----------------
Internet
Sem Rastros...

-----------------
Tnews
Barulho do Carro de Lixo...

-----------------
Tnews
PM + Guarda Municipal...

-----------------
Tnews
Trem como Solução Coletiva...

-----------------
Egames
Incrivelmente Mãe...

A Casa Caiu

Finalmente vieram à baila as acusações do marqueteiro Renato Pereira, dono da Prole Serviços de Publicidade. Além dos mais que previsíveis Sergio Cabral, Rodrigo Neves, Pezão e Eduardo Paes, entregou o então coordenador da comunicação da prefeitura de Niterói André Felipe Gagliano Alves. Naturalmente, a grande maioria dos jornais da cidade “ignorou” o fato por terem sido seguidamente contemplados, todos estes anos, com anúncios de páginas inteiras, e alguns, até com cargos mixurucas na combalida administração municipal de Niterói; desde que fizessem e publicaram, sem restrições, aquilo que o “mestre mandou”.

Renato Pereira fez acusações gravíssimas, como fraude na licitação e nos contratos de publicidade, e exigência (que foi paga por três anos) de uma “mesada” de 20 mil reais mensais, para garantir a continuidade e manutenção da conta de publicidade da prefeitura nas mãos sugadoras da Prole. 

É claro que André Felipe negou simplesmente, como fazem todos os acusados. Mas, ainda não apareceram todas as ações e circunstâncias. Entretanto, o Renato Pereira não iria numa grave situação judicial como esta, perder tempo com um personagem desconhecido e inexpressivo política e socialmente, num cenário de Titãs do Crime. Seria gastar vela nobre com um defunto indigente e inadimplente. Este senhor Gagliano, dono de uma arrogância e de um pedantismo extremo, agora vai ter que se explicar para o juiz Marcelo Bretas. Vai tremer de medo, como tremiam os recrutas no tempo do Exército. Talvez não dê tempo de partilhar o espaço com o mentor intelectual do seu grupo, o Sergio Cabral, pois certamente ele acabará num presídio Federal. Mas, o caminho do recolhimento do sargentão, será inevitável. Será difícil, mas recolhido neste “retiro espiritual”, talvez ele possa avaliar os prejuízos que deu a tanta gente de bem. E tem mais; tem gente próxima dele comemorando. Ele não consegue agradar nem os seus subalternos subjugados. Nada como um dia depois do outro...


-----------------
Edgard
Pressentimento

-----------------
Edgard
O Mau Espírito de Corpo

-----------------
Edgard
Dura Campanha Eleitoral

-----------------
Edgard
As Falas de Brilho

-----------------
Edgard
Abriram as Comportas

-----------------
Tnews
Barulho do Carro de Lixo...

-----------------
Tnews
PM + Guarda Municipal...

-----------------
Tnews
Trem como Solução Coletiva...

-----------------
Tnews
A Praça dos Mendigos...

-----------------
Tnews
Equivocada Boa Intenção...

-----------------
Tnews
Região Oceânica em Guerra...

-----------------
Tnews
Mercadores da Fé...

-----------------
Tnews
Soberba dos Ciclistas...

-----------------
Tnews
Quem Não Tem Dinheiro...

-----------------
Tnews
Problemas com a Energia...
 
Últimas Edições
Rua Cônsul Francisco Cruz nº 03 - Niterói/RJ | (21) 3628-0552 / 9613-8634 | dizjornal@hotmail.com
Creat by EADesigns